Recentemente li que a oposição ao governo @jairbolsonaro se divide entre a Esquerda que quer implantar uma ditadura fidelista/chavista, embora não assuma isso e uma massa de centristas e “isentões” que não sabem o que quer. Notem este “não sabem o que quer”. Esta é uma mentira descarada, total. O que essa massa de descontentes quer é algo que ESPERAVA, fosse se consolidar com o governo @jairbolsonaro , mas tal não ocorreu. Um governo que:

  • Respeitasse o Estado de Direito;
  • Reestruturasse, na medida do possível, a máquina pública;
  • Profissionalizasse o funcionalismo público desaparelhando e eliminando a influência de atores políticos como os sindicatos;
  • Iniciasse um programa de privatizações que se convertesse em investimentos, sobretudo, em obras de infraestrutura;
  • Profissionalizasse a educação;
  • Garantisse a segurança pública através de um programa contínuo com a reforma do sistema prisional e código penal, duas fontes de perpetuação do crime;
  • Investisse de modo concomitante e sistêmico na prevenção e repressão ao crime desde suas manifestações menos ofensivas, como a “teoria da janela quebrada” de @RudyGiuliani, ex-prefeito de NYC;
  • Instaurasse gradualmente a meritocracia como um dos princípios da adminstração pública, p.ex., na educação, com a aplicação de vouchers, prêmios de desempenho e produtividade para professores e implementação de charter schools, onde as escolas são obrigadas a cumprir metas de desempenho, sob risco de não obterem financimento ou tê-lo reduzido após um ano;
  • Monitoramento e fiscalização de crimes ambientais a partir de uma ampla base de propriedades privadas e públicas, no que seria necessário um programa de regularização fundiária como um dos principais objetivos para desenvolver o que se chama, genericamente, de “desenvolvimento sustentável”.
Palácio do Planalto, Brasília.

O que eu acho totalmente desnecessário é ficar insistindo numa estratégia infantil e pobre de:

  • Criar conflitos onde não precisa, a esfera da vida privada (quem transa com quem, quem opta por um estilo de vida etc.);
  • Criar conflitos como se estivesse em pleno movimento de campanha difamatória e anti-difamatória;
  • Insisitir em conceitos vazios de significado, como “Esquerda”, “Direita”, “Conservador”, “Socialista”, principalmente, quando a grande maioria de quem os usa não tem a menor ideia do que se trata;
  • Não saber se opor aos seus rivais, sejam eles chefes de estado ou opositores domésticos apelando para o mais baixo nível civilizatório, o que só acaba dando razão para seus difamadores que já nem precisam mais se esforçar em difamá-lo (basta reproduzir os fatos diários).

Há mais erros, mas vocês entenderam e espero que entendam duas coisinhas mais:

1) SE O PT RETORNAR AO PODER, O VERDADEIRO CULPADO TEM QUE SER APONTADO E ELE SE CHAMA JAIR MESSIAS BOLSONARO;

2) SER ISENTO NO MEIO DE UM MAR DE INSANOS NÃO É DEMÉRITO ALGUM, MAS PROVA DE PACIÊNCIA, PONDERAÇÃO E ATENÇÃO PARA ENTENDER O QUE REALMENTE SE PASSA.

Sede do SBT, Osasco, SP.

Ontem, não vesti preto para não dar razão aos opositores que querem a volta de uma máfia ao poder, o PT, mas também não vesti verde e amarelo porque estas cores foram usadas por quem usa das mesmas táticas petistas do passado de aparelhamento do estado. A diferença é que não se faz mais com os chamados “movimentos sociais” (na verdade, movimentos políticos de apoio ao PT), mas com mecanismos de mídia simpáticos e igrejas evangélicas apostando no maior divisionismo ao culpar dois grandes grupos:

1) A Globo, insistindo na MESMÍSSIMA retórica desgastada que fez a Esquerda no passado (notem esta semelhança);

2) Católicos, que não são tão unidos quanto os evangélicos e se mostram um tanto céticos quanto ao Papa e, para os evagélicos, já degenerados.

O que vemos e vimos ontem foi um ataque ao estado laico, foi um ataque ao bom senso e moderação, foi um desprezo ao cargo de chefe de estado que seria o de governar para todos.

Eu entendo a pressa em buscar salvadores em uma nação arrebentada pela economia mal gerida. Mas o que eu não entendo é gente inteligente apoiar isto. Insistem na evolução da bolsa, nos interesses corporativos contrários tentando minar o governo etc., mas esquecem que nem tudo é a economia e que esta um dia irá refletir esta interferência indevida na cultura.

Mesmo os mais esperançosos e otimistas irão lamentar o desastre como método.

Lembre-se disto em 2022.

@aheidrich

Fontes das Imagens:

Imagem 1 Templo de Salomão, São Paulo, Brasil” (Fonte): https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Templo_de_Salom%C3%A3o_-_5.JPG

Imagem 2 “Palácio do Planalto, Brasília, Brasil (Fonte): https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Pal%C3%A1cio_do_Planalto_Novembro_Azul.jpg.

Imagem 3 Sede do SBT, Osasco, SP (Fonte): https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Sede_do_SBT.jpg.