Medidas para combater o novo coronavírus estão se tornando mais rigorosas. As autoridades de Nova York (EUA), por exemplo, enviaram uma mensagem forte a seus habitantes: “Todos deveriam se comportar como se já estivessem expostos ao coronavírus”.

Esse alerta é sustentado por novas evidências científicas provenientes da análise de como o vírus se espalhou na China, o país onde a pandemia surgiu e que até sexta-feira (20/3) registrou mais de 3,2 mil mortes.

A pesquisa mostra que duas em cada três infecções do novo coronavírus foram causadas por pessoas que não foram diagnosticadas com o vírus ou que não apresentavam sintomas.

Coronavírus: o preocupante papel dos infectados sem sintomas na propagação da covid-19 – BBC News Brasil