Por que as falsas curas são perigosas

Diversas das curas falsas sendo compartilhadas indicam substâncias que podem inclusive ser prejudiciais para o corpo.

“Esse tipo de mentira não é apenas ineficaz, é perigosa”, afirma Pasternak.

É o caso da chamada “água prateada”, ou prata coloidal, que foi falsamente chamada de “cura” para o coronavírus em postagens sendo compartilhadas nas redes.

A substância nada mais é do que água com prata, explica André Bacchi, professor de farmacologia na faculdade de medicina da Universidade Federal de Rondonópolis.

Notícias falsas diziam que a “água prateada” seria capaz de “sufocar” o vírus e curar a infecção.

“Um vírus não respira. Ele é um conjunto de material genético envolto por uma cápsula, não é possível sufocá-lo” afirma Weissman.

Coronavírus: da prata coloidal a água com vinagre, o perigo das falsas curas compartilhadas na internet – BBC News Brasil