Winston Churchill dizia que a primeira vítima da guerra era a verdade. Verdade… Sobretudo quando quem a mata é um picareta compulsivo travestido de jornalista. Vejamos…

PEPE ISIS 2017-06-30 at 17.24.49
Jornalista diz que o Isis se desloca para leste e noroeste. Não é difícil entender por que.

Como ler um jornalista picareta de esquerda? Dias atrás publiquei, a partir de nota da mídia que o exército iraquiano declarava vitória sobre o ISIS (ESTADO ISLÂMICO) dentro do Iraque, pois, obviamente é dentro deste território que atuará o exército do país chamado Iraque. Pepe ESCOBAR (nome ingrato) diz que não é bem assim, mas sim prenúncio de uma grande diáspora. Duas meias-verdades que não somam uma, mas uma grande mentira:

1) Já ocorria o êxodo de terroristas após as represálias dos EUA e seus aliados, inclusive o Iraque. Consequência disso já prevista (e publicada em análises através de periódicos como a Foreign Affairs e Stratfor, p.ex.) foi o recrudescimento dos atentados terroristas em países europeus para onde grandes levas emigraram;

2) O Afeganistão é um campo favorável, assim como a região balcânica (sudeste europeu) por ter áreas islâmicas (Albânia, Bósnia-Herzegovina, Kosovo), mas não necessariamente pró-ISIS;

3) Escobar tem que, em qualquer post, já que trabalha para uma agência de notícias russas – a RT, Russian Times – se mostrar anti-americanista e a vitória sobre o ISIS no Iraque é consequência, parcial, da ação americana na região e contrária à influência do Irã, do qual Escobar é simpatizante.

Assim, meus caros, se pega um sujeito desses no pulo QUE SE FINGE de “jornalista em busca da verdade e dos fatos”.
Ajudem outros a entender e divulguem o engodo.

Obrigado,

Anselmo Heidrich